CAMPO -  A importância dos trabalhadores rurais brasileiros

ArteBlogGastronomiaTurismo e Lazer

NaPanela – Como programar um bom churrasco

Corte de picanha no espeto

Preparar um churrasco perfeito vai além de simplesmente grelhar carne. É uma arte que requer cuidado, atenção aos detalhes e um toque de criatividade. Desde a escolha do carvão até os temperos especiais, cada passo é crucial para garantir que seus convidados desfrutem de uma experiência gastronômica memorável. Com isso em mente, aqui estão 10 dicas essenciais para transformar seu próximo churrasco em um verdadeiro sucesso:

1- O carvão:

Antes mesmo de selecionar as carnes, é importante escolher o carvão certo. Garanta que sua brasa tenha a durabilidade e o calor adequados para grelhar as carnes sem cozinhá-las demais. Escolha carvão com toras inteiras e longas, os carvões muito pequenos ou quebrados não são indicados. Acenda o fogo com antecedência, entre 30 a 40 minutos antes do início do churrasco, para garantir que o carvão esteja pronto no momento certo.

    2- Quantidade de carnes:

    Faça um cálculo adequado da quantidade de carne necessária para seus convidados. Para um evento de aproximadamente 4 horas, estime cerca de 500 g por pessoa, considerando acompanhamentos. Se não houver acompanhamentos, aumente para 600 g por pessoa. Para as crianças, uma porção de 250 g é suficiente. Com essa estimativa, você evitará excessos e desperdícios.

    Variedade é sempre bom
    Variedade é sempre bom

    3- Variedade de carnes:

    Não limite seu churrasco apenas à carne bovina. Experimente diferentes cortes, como suínos e de frango, linguiça, além de opções vegetarianas, como queijo coalho e cogumelos. Uma mistura equilibrada de carnes tornará seu churrasco mais interessante e atrativo para todos os gostos. Sugiro separar 50% de carnes bovinas e os outros 50% uma mescla entre as opções acima.

    4- Tire a carne da geladeira antes de grelhar:

    Evite choques térmicos e assegure um cozimento uniforme deixando a carne atingir a temperatura ambiente antes de levá-la à grelha. Retire bifes com 3 cm de espessura da geladeira cerca de 30 minutos antes do churrasco e peças maiores, como costela ou picanha, até uma hora antes.

    Alguns acompanhamentos do churrasco
    Alguns acompanhamentos do churrasco

    5- Acompanhamentos:

    Caso opte por servir acompanhamentos, calcule cerca de 100 g por pessoa e ofereça uma variedade de opções, como farofa, arroz, saladas e legumes grelhados. O abacaxi grelhado pode ser uma sobremesa refrescante e digestiva para complementar o churrasco.

    6- Quando salgar a carne:

    O momento certo de salgar a carne varia de acordo com o corte e o tempo de cozimento. Utilize sal de parrilla para cortes mais rápidos e sal grosso para peças que exigem um tempo maior na grelha. Se preferir, salgue a carne no final com flor de sal para um toque de sofisticação.

    7- Descanso da carne:

    Após retirar a carne da grelha, deixe-a descansar por alguns minutos. Isso permite que os sucos se redistribuam uniformemente, tornando-a mais macia e suculenta. Não pule este passo crucial para garantir o melhor sabor e textura da carne.

    Escolha uma faca de boa qualidade
    Escolha uma faca de boa qualidade

    8- Corte sempre contra as fibras com uma faca de boa qualidade:

    Muito mais do que apenas um utensílio usado para cortar a carne, a faca trabalha em conjunto com o churrasqueiro, tanto antes, como depois do alimento já assado. A textura e a maciez das peças depende muito da precisão de corte, por isso, as facas para churrasco devem ser bem escolhidas. Procure uma faca de aço inox de boa qualidade com cabo firme, formato anatômico e antiderrapante, leves e fáceis de manusear. Na hora de servir, lembre-se de cortar a carne contra as fibras. Isso facilita a mastigação e evita que a carne fique com uma textura fibrosa, aquele efeito chiclete.

    9- Quantidade de bebida:

    Não se esqueça das bebidas. Calcule aproximadamente 600 ml por pessoa de refrigerantes, sucos, chás, água aromatizada e água. Para cerveja, estime em média 3 latas ou 3 long neck por pessoa, garantindo que todos os convidados tenham opções refrescantes para acompanhar o churrasco.

    Capriche nos temperos
    Capriche nos temperos

    10- Os temperos:

    Vá além do sal, faça marinadas para as carnes de frango e suínas, deixe marinando por no mínimo 2 horas, ou até 48 horas para penetrar bem o tempero. O mesmo vale para carnes bovinas. Uma boa pedida é usar marinadas cítricas para cortes mais gordurosos como a bananinha (corte retirado do osso da costela). Raspas de 1 limão, suco de 1 limão, 3 dentes de alho espremido, 1 colher de sopa de pimenta calabresa, 1 colher de sopa sal e 1 colher de sopa de salsinha picada, para 1 kg de carne é uma marinada deliciosa para cortes gordurosos bovinos, para frango e suínos. Não adicione azeite pois a intenção é equilibrar com a gordura da carne. Se o corte escolhido for magro, aí sim, adicione 2 colheres de sopa de azeite.

    Dicas de Larissa Morales/Folha de São Paulo

    Leia também: