CAMPO -  A importância dos trabalhadores rurais brasileiros

Agricultura FamiliarCiência e TecnologiaGestão, Mercado e EconomiaMeio Ambiente e EnergiaNotícias

Agricultura familiar periurbana pode inovar e ser sustentável

A fruticultura predomina em Valinhos

Os resultados do projeto (NEG)“Subsídios a políticas públicas para incentivo da produção agrícola sustentável periurbana do município de Valinhos – AgriVal”(NEG), desenvolvido pela Prefeitura de Valinhos em parceria com a Embrapa Meio Ambiente indicaram que as linhas mestras estabelecidas pelos parceiros podem inovar e criar um ambiente mais promissor à atividade agrícola focada no jovem rural e alinhada à sustentabilidade da agricultura.

Para a prefeita, com esse mapeamento de toda área cultivável do município, será possível sugerir políticas públicas para otimizar a agricultura da cidade. O levantamento mostra o que está sendo cultivado de cada cultura e os fragmentos de vegetação nativa, o que é muito importante, por exemplo, quando se quer preservar a produção de água uma vez que pelo mapeamento pode-se aumentar a conectividade e fazer propostas de políticas públicas.

Com essa informação atualizada da agricultura valinhense, pode-se buscar a melhoria logística entre as estradas rurais e, com o incentivo da lei de pagamentos por serviços ambientais, o PSA, implantando para 2024 a patrulha agrícola, com tratores e maquinários a disposição dos produtores para melhor fluidez dos serviços na lavoura.

Equipe analisa mapas da cidade de Valinhos
Equipe analisa mapas da cidade de Valinhos

Para os técnicos, esse nível detalhado de informações que Valinhos atingiu por meio do trabalho da Embrapa Meio Ambiente, é vital para o fomento e crescimento da agricultura do município e incentivo também a novas empresas à explorarem o agronegócio.

A Embrapa promoveu um diagnóstico atual do município e planejou cenários de atuação em novos mercados com maior agregação de valor e maior sustentabilidade ambiental, além de fomentar a adoção de tecnologias que apontem áreas prioritárias de preservação ambiental para implementar o Programa de Pagamento por Serviço Ambiental (PSA), que já existe por lei em Valinhos, mas ainda não foi estabelecido.

O estudo Identificou uma dificuldade em as propriedades agrícolas recuperarem suas áreas destinadas à preservação ambiental. Para fortalecer a agricultura, está sendo proposto que a prefeitura incentive os produtores por meio de um programa de boas práticas agrícolas que incremente a produção preservando os mananciais hídricos. As políticas públicas de incentivo devem ser implementadas e, neste contexto, programas voltados a jovens rurais são imprescindíveis.

A fruticultura é a atividade agrícola predominante no município, destacando-se a produção de figos, que lhe permite com grande vantagem a posição de primeiro produtor do país
A fruticultura é a atividade agrícola predominante no município, destacando-se a produção
de figos, que lhe permite com grande vantagem a posição de primeiro produtor do país

Os próximos passos envolvem apoio à formulação ou à execução de políticas públicas, por meio de análises, resultados e interpretação de mapas de priorização de escolhas de fragmentos de vegetação nativa como áreas a serem conservadas pelos proprietários rurais e remuneradas pela prefeitura e estudos sobre diretrizes e indicações de possíveis ações para incentivo à permanência do jovem rural na propriedade agrícola familiar.

A continuidade do projeto irá buscar novos mercados com agricultura e fruticultura orgânica, com apoio aos agricultores e fornecimento para condomínios, com o acompanhamento da implantação das políticas públicas e da lei de PSA e de incentivo à fruticultura, além de passivos ambientais, com incentivo à restauração ecológica produtiva, avaliação das áreas segundo o potencial e implantação de áreas de referência.

Leia também: