CAMPO -  A importância dos trabalhadores rurais brasileiros

Chamada para a ExpoLondrina 2024

O Parque Governador Ney Braga, localizado na Avenida Tiradentes, 6275, Londrina (PR), abre as portas mais uma vez para um dos maiores e principais eventos do agro brasileiro. Em 2024, a ExpoLondrina será também a ExpoGenética, ExpoVarejo, ExpoPet, ExpoSabores, ExpoNegócios, um universo que valoriza a tradição, mas também abre espaço para a inovação e novos mercados com a presença do Pavilhão Smart Agro.

A Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina – ExpoLondrina 2024, que chega à 62ª edição, começa nesta sexta-feira, dia 5, e vai até o dia 14 de abril, com palestras, cursos, leilões e julgamento de animais em pista. O horário de funcionamento das bilheterias do parque vai de 09:00 às 23:59. Na sexta (05), os portões do parque se abrem às 09:00, mas a abertura oficial da feira está marcada para as 16:00 com a presença de várias autoridades, como o ministro da Agricultura, Carlos Fávaro, o governador do Paraná, Ratinho Junior, o vice-governador, Daci Piana, e o secretário de Agricultura e Abastecimento do Paraná, Norberto Ortigara, além de prefeitos e demais autoridades políticas e lideranças de Londrina e região.

Visão aérea do Parque de exposições

Realizada pela Sociedade Rural do Paraná, a feira contará com diversas atrações. Este ano mais de 500 mil pessoas devem circular pelo Parque de Exposições Governador Ney Braga. Dos eventos técnicos, uma agenda intensa de palestras e cursos trazem conhecimento e inovação ao mundo agro. Nos negócios, montadoras e indústrias de maquinário prometem negociações especiais para a exposição. Uma oportunidade para todos se divertirem e fazerem bons negócios. Destaque pela primeira vez pavilhões dedicados ao seguimento pet e também do melhoramento genético, com a comercialização de matrizes, reprodutores e sêmen. Serão sete mil animais em exposição nesta edição. No período noturno, acontecem os shows, cuja grade traz os maiores nomes do universo sertanejo.

Este ano o evento conta com um dos maiores centros hípicos do Brasil dentro do parque, com três pistas, sendo uma coberta e uma pista oficial com padrão internacional idealizada juntamente com o cavaleiro Daniel Khury. E ainda destacando o setor de equinos, o 6° Simpósio de Equideocultura abre a agenda de eventos técnicos da exposição, já no primeiro dia pela manhã, no recinto Milton Alcover, tratando de temas como manejo e criação de equinos.

Os peixes prometem atrair os olhares do público nesta edição, que contará com dois aquários gigantes com 14 espécies, entre nativas e de cultivo. O maior deles tem 18 mil litros de água. No espaço haverá peixes como pirarucu, lambari, tucunaré, arraia, tartaruga de barbicha e a conhecida tilápia. Além do aquário, haverá ao lado uma loja com peixes ornamentais, aquários e acessórios. a piscicultura ocupa seu lugar de importância no evento, pois o Paraná é o estado líder na produção de tilápia. A espécie é a grande impulsionadora da piscicultura no Brasil, que é o quarto maior produtor da espécie no mundo. Em 2023, o país produziu 579.080 toneladas de tilápia, correspondendo a 65,3% da produção total de peixes no Brasil.

Letreiro da ExpoLondrina

De peixes nativos, a produção foi de 263.479 toneladas, enquanto as demais espécies somaram 44.470 toneladas. O Paraná produziu 209.500 toneladas de tilápia no ano passado, um crescimento de 11,5% em relação a 2022 (187.800 toneladas). O aquário estará aberto para visitação todos os dias do evento.

Além disso, o museu da Sociedade Rural do Paraná contará com uma exposição sobre pecuária retratando como um dos grandes impulsionadores da pecuária em Londrina, Celso Garcia Cid, que realizou a primeira importação de gado zebu da Índia, em 1960. A expectativa é de que 30 mil crianças das escolas da região visitem o museu durante a feira, que estará aberto diariamente das 9:00 as 22:00 durante do evento.

Para o evento de 2024 foram realizadas reformas na parte estrutural do centro de exposições, com a readequação da iluminação em LED. Também foi recapeada grande parte do asfalto e instalados 17 pontos para hidratação com bebedores industriais com água natural e gelada para o conforto do visitante. O parque conta com dois estacionamentos oficiais com capacidade para 1700 carros, com seguro, monitorados e automatizados. A área gastronômica conta com quatro restaurantes de grande porte e diversas barracas de comidas e lanches. A área total do parque é de 200 mil m², sendo 25 mil m² na área industrial, onde estarão expostos implementos e maquinários agrícolas, além de 20 pavilhões para animais, como bovinos, equinos, caprinos, ovinos e suínos. O parque conta com sete auditórios com capacidade de 80 a 250 pessoas.

Nelores pintados no galpão de animais em exposição
Nelores pintados no galpão de animais em exposição

Os ingressos para acesso ao parque podem ser comprados CLICANDO AQUI e também nas bilheterias do local e para a arena de shows CLICANDO AQUI. O valor é de R$ 24 (inteira) e R$ 12 (meia-entrada). Nos dias 8, 9 e 10 de abril haverá a ExpoPromo, com valor de R$ 18 (inteira) e R$ 9 (meia-entrada) para acesso ao parque.

Os estacionamentos oficiais possuem seguro e câmeras de vigilância. Confira os valores:

  • Estacionamento 1 Oficial ExpoLondrina: R$ 50 (quinta a domingo); R$ 40 nos dias de ExpoPromo (segunda, terça e quarta)
  • Estacionamento 2 Oficial ExpoLondrina PR-445 Cambé: R$ 40 (quinta a domingo); R$ 30 nos dias de ExpoPromo (segunda, terça e quarta)

A expectativa dos organizadores é de um público maior este ano, acima de 500 mil visitantes. A feira deve gerar mais de 9 mil empregos entre diretos e indiretos e movimentar cerca de R$ 1,4 bilhão com mais de 300 empresas de diversos segmentos.

Leia também: