CAMPO -  A importância dos trabalhadores rurais brasileiros

CapacitaçãoCiência e TecnologiaCriaçãoDicasGestão, Mercado e EconomiaTurismo e Lazer

Otimizando o controle de estoque veterinário

O uso de sistema de controle de estoque é muito importante para alcançar eficiência no atendimento veterinário

O controle de estoque veterinário envolve mais do que apenas manter as prateleiras abastecidas. É uma das maiores despesas, geralmente consumindo entre 12 a 15% da receita geral da prática. A gestão eficiente do estoque não é apenas uma questão de organização, é uma necessidade operacional que pode afetar diretamente a qualidade do atendimento ao paciente, a satisfação do cliente e a lucratividade da sua prática veterinária.

O principal objetivo do controle de estoque é minimizar os custos, garantindo ao mesmo tempo que médicos veterinários tenham estoque suficiente para atender às necessidades dos clientes.

Sem informações precisas de estoque, decisões de compra erradas podem ser tomadas. Manter um estoque excessivo ou insuficiente pode ser um fardo financeiro. Um estoque excessivo aumenta os custos operacionais, enquanto a falta de estoque pode resultar em perda de receita, de confiança e, eventualmente, a uma perda de clientes.

Um controle de estoque eficaz ajuda a manter um equilíbrio, permitindo que você faça pedidos nos momentos certos para maximizar a rotatividade de estoque e a lucratividade.

A organização do estoque é fundamental para facilitar todo o trabalho técnico e prevenir erros
A organização do estoque é fundamental para facilitar todo o
trabalho técnico e prevenir erros

Como organizar o seu estoque?

O controle de estoque veterinário não é uma tarefa fácil e muitos médicos veterinários ainda gerenciam o seu estoque manualmente. É aqui que um sistema de gestão específico para veterinários pode ajudar, automatizando o processo de monitoramento e fornecendo informações em tempo real sobre o seu estoque.

Um sistema de gestão de estoque além de reduzir o tempo que você gasta procurando, contando e fazendo pedidos de estoque, também auxilia no rastreamento de datas de vencimento, números de lote, fornecendo informações específicas de vendas.

Estratégias para um melhor controle de estoque veterinário

A organização do estoque é um aspecto crucial na gestão veterinária, especialmente quando se trata de medicamentos e insumos relacionados a tratamentos dos animais. A categorização, codificação e disposição adequada desses itens pode acelerar os processos, aumentar a eficiência e reduzir o risco de erros.

Nossos animais merecem todo o carinho com um estoque veterinário bem gerenciado para atendê-los
Nossos animais merecem todo o carinho com um estoque
veterinário bem gerenciado para atendê-los

Seguem algumas dicas e estratégias para organizar o estoque de maneira eficaz:

– Use a regra 80/20: Avalie os 20% principais itens do seu estoque, os que são responsáveis por 80% da sua receita. Esses itens são aqueles que devem ser priorizados em termos de estoque/disponibilidade, preço acessível e conveniência.
– Use sistemas de codificação: Implemente um sistema de codificação para facilitar a identificação rápida dos itens. Utilize códigos de barras, números de série ou etiquetas coloridas, de acordo com o tipo e a utilização dos produtos.
– Categorize os medicamentos: Separe os medicamentos em categorias lógicas, como por uso (antibióticos, anti-inflamatórios, etc.), ou forma farmacêutica (comprimidos, líquidos, injeções). Isso facilita a localização rápida dos itens necessários.
– Garanta um armazenamento adequado: Considere a disposição física dos produtos no armazenamento. Organize-os de forma que os itens mais usados estejam facilmente acessíveis. Mantenha medicamentos com requisitos de temperatura em refrigeradores ou áreas climatizadas e de acordo com seus requisitos de temperatura, umidade e luz.

Estoque veterinário devidamente organizado
Estoque veterinário devidamente organizado

– Preste atenção na rotatividade e controle de validade: Utilize o sistema PEPS (Primeiro que Entra, Primeiro que Sai) sempre que possível, garantindo que os itens mais antigos sejam usados primeiro. Isso ajuda a minimizar o desperdício de produtos que possam expirar. Mantenha um registro claro das datas de validade e organize os produtos de forma a garantir que os itens próximos do vencimento sejam usados primeiro.
– Automatize sua gestão: Considere o uso de sistemas de gerenciamento que podem facilitar a organização do estoque, integrando informações sobre compra, venda, validade e outras características essenciais.
– Treine sua equipe: Se você possuir uma equipe, certifique-se de que todos os membros estejam familiarizados com o sistema de organização do estoque. Ofereça treinamento regular para garantir que todos compreendam e sigam as práticas estabelecidas.
– Monitore seu estoque: Realize auditorias e revisões regulares do estoque para identificar possíveis problemas ou ineficiências. Isso ajuda a manter a organização do estoque em ótimas condições.
– Instalações: destina ou construa uma estrutura adequada para estocagem de medicamentos e materiais veterinários, com ventilação apropriada, higienização, geladeira, lavatório, e demais equipamentos necessários para o desenvolvimento do trabalho de forma profissional.

Pequena farmácia veterinária na fazenda bem organizada
Pequena farmácia veterinária na fazenda bem organizada

A organização do estoque é uma tarefa complexa que exige atenção cuidadosa e planejamento detalhado. Com estas estratégias você não apenas economiza tempo e recursos, mas também contribui para a qualidade do atendimento prestado aos seus pacientes.

Monitoramento do Estoque

O monitoramento regular do estoque é um componente vital na gestão veterinária. Ele proporciona informações atualizadas sobre o seu estoque, o que facilita o planejamento e a tomada de decisão. A falta de medicamentos pode levar a atrasos no tratamento e comprometer a saúde dos animais, enquanto o excesso pode levar ao desperdício e a custos adicionais.

Mantenha registros claros, tendo acesso fácil a todas as verificações de estoque, mudanças e novos pedidos. Se você possuir uma equipe, garanta que todos os membros da equipe estejam cientes dos níveis de estoque e de qualquer alteração significativa.

Leitão sendo medicado

Quando Monitorar o estoque?

– Agende Verificações Regulares: Dependendo do seu fluxo, pode ser semanal, quinzenal ou mensal.
– Antes de Pedidos Importantes: Antes de realizar pedidos grandes ou em períodos de alta demanda, uma revisão completa do estoque pode evitar transtornos.
– Após Recebimento de Novos Itens: Verifique o estoque após a chegada de novos pedidos para garantir que tudo esteja de acordo.

O monitoramento eficaz do estoque é uma tarefa complexa, mas essencial, que requer uma abordagem estratégica e detalhada. Por meio de processos claros, responsabilidades definidas e o uso da tecnologia, é possível manter o estoque em níveis ideais, garantindo que você forneça o melhor cuidado possível para seus animais sem custos desnecessários.

Fonte: Texto baseado no site Equinovet

Leia também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *