CAMPO -  A importância dos trabalhadores rurais brasileiros

AgriculturaAgricultura FamiliarCiência e TecnologiaGestão, Mercado e EconomiaNotícias

Agricultura natural – Incentivos são apresentados

Colheita orgânica

Por meio de uma variedade de produtos biotecnológicos, as lavouras podem gerar culturas de maior qualidade e rentabilidade

O mercado, cada vez mais exigente por produtos naturais, exige que empresas especializadas do setor se unam para promover a agricultura natural e trazer novas oportunidades para o produtor rural.

Diversos produtos são desenvolvidos como biopesticidas, bioestimulantes, prebióticos e probióticos para a agricultura que promovem grandes melhoras no desempenho e no equilíbrio nutricional da lavoura.

Vários destes produtos vêm sendo utilizados em lavouras de milho, soja, maçã, uva, manga e melão, entre outros cultivos, com resultados altamente eficazes.

Estes produtos auxiliam no equilíbrio fisiológico de diversas lavouras, estimulam o crescimento dos órgãos verdes das plantas, aumentam o calibre e a qualidade dos frutos, previnem e corrigem possíveis carências, e são formulados com macro e micronutrientes que atuam diretamente no processo de desenvolvimento em diversos aspectos da plantação. A finalidade da maioria é melhorar a estrutura do solo, com nutrientes adequados para cada situação.

Inovação

As inovações tecnológicas garantem o melhor desempenho das lavouras e da geração de produtos de qualidade com elevado valor nutricional.

A maior demanda por produtos naturais, produzidos sem o uso de agentes químicos, e que sejam rentáveis para os produtores é uma exigência do mercado e o produtor deve estar atento que cada etapa da produção deve ser natural, utilizando a tecnologia de forma inteligente e sustentável.

Leia também:

Biológicos – Pesquisadores atestam aumento da resiliência do solo frente as mudanças climáticas

Ferramentas microbianas na agricultura

Agricultura regenerativa – Pecuária de leite torna-se mais sustentável

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *