CAMPO -  A importância dos trabalhadores rurais brasileiros

Congressos, Encontros, Simpósios e SemináriosEventosExposições, Feiras e FestivaisFestas

Agroecologia na boca do povo – 12º Congresso Brasileiro de Agroecologia

Chamada para o XII Congresso Brasileiro de Agroecologia

Pela primeira vez, um CBA será realizado de forma descentralizada ocupando diferentes lugares da cidade do Rio de Janeiro. Entre acampamentos, cozinhas, feiras, Barracões de Saberes e ambientes que acolherão as atividades científicas, o evento articula 19 diferentes parceiros em espaços que compartilham o compromisso de garantir a Agroecologia na Boca do Povo!

Já são mais de 3.600 pessoas inscritas e uma grande onda de caravanas e coletivos de todo o Brasil movimenta a força da agroecologia a partir dos territórios. Neste XII Congresso Brasileiro de Agroecologia, a Associação Brasileira de Agroecologia celebra os 20 anos da primeira edição do Congresso, realizado em 2003, em Porto Alegre (RS). Durante esses anos, o CBA tem se transformado, sobretudo em função da inter-relação com os sujeitos que o constroem e, fundamentalmente, a partir da necessidade de respostas coletivas aos desafios sociais, políticos e ambientais que tecem o período histórico de execução de cada uma das edições.

Como resultado dessa trajetória articulada pela ABA-Agroecologia, o último CBA, realizado em 2019, na região metropolitana de Aracaju (SE), na cidade de São Cristóvão, tornou-se referência no que diz respeito ao seu caráter científico, popular, representativo e diverso. O evento, que teve como lema “Ecologia de Saberes: Ciência, Cultura e Arte na Democratização dos Sistemas Agroalimentares”, foi realizado na universidade pública, garantindo acesso livre a toda a comunidade acadêmica e demais visitantes, acolhendo um total de 4.056 pessoas inscritas, provenientes de 10 países e dos 27 estados brasileiros. Foram, ao todo, 2.100 trabalhos aprovados e divididos em 16 eixos temáticos; deste total, 1.900 foram apresentados em 73 rodas de conversas/debates.

Chamada para o XII Congresso Brasileiro de Agroecologia

Ao longo de suas edições o CBA vem se consolidando como um espaço de referência sobre agroecologia no Brasil e na América Latina. Tanto por sua dimensão e abrangência multiterritoriais, quanto por sua proposta metodológica inovadora, pautada por epistemologias críticas que reconhecem diferentes saberes sejam eles acadêmicos ou populares, O CBA se insere em um processo voltado à construção de novos paradigmas teórico-metodológicos, na defesa da ciência crítica, das instituições públicas de ensino, pesquisa e extensão e no fortalecimento dos movimentos sociais.

O XII CBA será realizado entre os dias 20 e 23 de novembro de 2023, na cidade do Rio de Janeiro e tem como um de seus corações a Fundição Progresso. A expectativa é de 5.000 participantes inscritas/os, entre pesquisadoras/es, docentes, estudantes, técnicas/os e extensionistas, agricultoras/es familiares, povos e comunidades tradicionais e ativistas dos movimentos sociais. Além disso, por meio das atividades realizadas em espaços públicos da cidade, espera-se, com o evento, mobilizar a participação de um público composto por milhares de pessoas residentes na cidade do Rio de Janeiro.

XII Congresso Brasileiro de Agroecologia

Na cidade do Rio de Janeiro o território simbólico da agroecologia ganha vida. Com o ponto de partida a Fundição Progresso e capilarizada, posteriormente, para os Arcos da Lapa, Circo Voador, Praça do Passeio e região pequena África da Gamboa. Outros pontos importantes de atividades serão a Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), a Cinelândia, o Armazém do Campo sob coordenação do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e o espaço da Ação da Cidadania.

O tema do congresso se traduz em colocar em evidência não somente a capacidade de produção de alimentos saudáveis e diversos pelas muitas agriculturas, tecidas por agricultores e tantos povos e comunidades no campo, nas cidades, nas águas e nas florestas, mas a necessidade de garantia de acesso a esses alimentos pelos diferentes setores da sociedade, especialmente os mais vulneráveis. Ao mesmo tempo, suscita a popularização da agroecologia como imanente às transformações sociais e ecológicas. A ciência comprometida com uma sociedade justa é aquela que se coloca disposta a construir coletivamente, que encontra sua tessitura epistêmica a partir da possibilidade de aprender e ensinar entre múltiplos saberes, que não se dobra às corporações ou ao ambiente antidemocrático. Na boca do povo, ciência e agroecologia são ressignificadas e encontram lugar seguro na construção de novos horizontes sociais, políticos e ecológicos.

A Fundição Progresso

“Coração do XII CBA” e “a casa de todas as tribos e ritmos”: em 1982, um grupo de vanguarda na cultura carioca, que já vinha revolucionando a cidade desde os anos 1970, com a criação da companhia teatral Asdrúbal Trouxe o Trombone e, mais tarde, o Circo Voador, decidiu lutar contra a demolição de uma desativada fábrica de fogões e cofres na Lapa, imóvel de grande valor histórico.

Fundição Progresso com Arcos da Lapa ao fundo
Fundição Progresso com Arcos da Lapa ao fundo

A resistência deu certo, a antiga fundição foi preservada e ao longo dos últimos 20 anos se tornou o maior centro cultural independente do Rio de Janeiro. Atualmente, abriga iniciativas e grupos culturais, entre eles Orquestra Petrobras Sinfônica, Intrépida Trupe, Teatro de Anônimo, Armazém Companhia de Teatro e Rio Maracatu. Com uma grande, variada e acessíveis atrações, o espaço também oferece um leque amplo de cursos e oficinas, que vão do artesanato à realidade virtual.

Espaços

Buscando acomodar da melhor forma possível as pessoas inscritas no congresso e prezando pela segurança e cuidado na operação das atividades em tantos espaços diferentes é imprescindível comunicar nosso sistema de acesso.

INCLUSÃO e DIVERSIDADE: Diferente de grande parte dos congressos científicos que não possuem essa flexibilidade, foram reservadas 1.000 vagas de isenção de inscrição. A distribuição de vagas foi construída em diálogo com os movimentos sociais, os povos indígenas, as comunidades tradicionais e as juventudes, sendo dividida em quatro categorias.

Além desse grupo, recebem isenção do CBA todas as pessoas convidadas para as conferências e para os Barracões de saberes, as diferentes comissões de trabalho (feiras, cozinhas, Ciranda Infantil e todas as demais frentes), as pessoas voluntárias inseridas nas comissões e a imprensa. Essas inscrições JÁ SE ENCERRARAM e no total somos cerca de 1.000 pessoas nessa situação.

Como será o acesso aos territórios do 12º CBA

Veja informações sobre credenciamento, ingressos e quais espaços do CBA terão acesso livre

A Praça do Passeio, onde acontecem feiras, Barracões e o Festival de Arte Cultura da Agroecologia (FACA), o Cinema Odeon, durante a programação do Festival Internacional de Cinema Agroecológico (FicaEco), e a Escola Superior de Desenho Industrial (ESDI/UERJ), onde acontecem a Tenda da Saúde e da Cura e a Cozinha das Tradições, terão acesso completamente livre.

Todos os outros espaços, incluindo a Fundição Progresso, o Circo Voador, o Cine Odeon (durante as conferências), o prédio dos Tapiris de Saberes na Associação Cristã de Moços (ACM), terão acesso restrito para as pessoas inscritas no CBA.

Credenciamento Geral: O credenciamento será realizado no estacionamento da Fundição Progresso de 19 a 23 de novembro durante o período de 9h às 18h diariamente.

Ingressos de acesso diário ao CBA: durante os quatro dias do evento, serão disponibilizados gratuitamente no espaço do credenciamento, localizado na Fundição Progresso, 300 ingressos para o público em geral a todos os espaços do CBA. Os ingressos serão entregues por ordem de chegada e apenas 1 por pessoa.

Chamada para a Feira Nacional Saberes e Sabores da Agroecologia e Economia Solidária

Praça do Passeio: todas as atividades da Praça do Passeio terão acesso livre e gratuito. Na praça acontecerão feiras, comedorias, oficinas, rodas de conversa, diferentes Barracões de Saberes, shows e outras iniciativas. Fique de olho no site do CBA e nas redes sociais da ABA, que sempre estarão divulgando e atualizando detalhes sobre a programação da praça.

Feira no Passeio Público trará agriculturas/es e comunidades tradicionais do Brasil para o centro do Rio. CLIQUE AQUI para saber mais.

Festival Internacional de Cinema Agroecológico (FicaEco): também com acesso gratuito, a programação do festival será livre com acesso limitado ao número de acomodações do Cinema Odeon. Muitas escolas estão se cadastrando para participarem das exibições e das rodas de conversa. Quer levar as suas turmas para participar do FicaEco? Faça o seu cadastro CLICANDO AQUI.

Inscreva-se no 12º CBA

Inscrições: Buscando acomodar todas as pessoas que precisavam de confirmação de hospedagem, acampamento e transporte para chegarem até o CBA, foi estendido o prazo de inscrição até o dia 15 de novembro sem alteração no valor para nenhuma das categorias. É importante reforçar que esses são os mesmos valores praticados em 2019, há quatro anos em Sergipe.

Lote 1: 15/11
Lote 2: 18/11
Lote 3: No evento

Durante o CBA: Serão aceitas novas inscrições durante o evento aplicados os valores vigentes de taxa de inscrição e utilizando o mesmo sistema por meio do site. Não haverá balcão de inscrição com pagamento em espécie, cartões ou PIX.

Colaboração: Viabilizar materialmente a realização do CBA não é tarefa simples. Por princípio e coerência política, recusa-se apoios de empresas beneficiárias do modelo agroalimentar combatido. Recusa-se o loteamento dos espaços em troca de marketing empresarial de qualquer ordem. Infelizmente, essa é uma prática corrente no financiamento de muitos congressos científicos. É contra essa prática e contra essa ciência domesticada por interesses do capital que os organizadores se reúnem na Associação Brasileira de Agroecologia.

Banner do 12º CBA

A comissão organizadora do 12º CBA vem realizando um esforço de captação de recursos junto a diferentes entes governamentais, organizações parceiras e parlamentares comprometidos com a agroecologia.

Outra parte fundamental da captação vem das inscrições no congresso. Tem-se as inscrições como uma estratégia de financiamento colaborativo para viabilizar um projeto coletivo e não como o pagamento de um benefício individual. É com esse entendimento que serão viabilizadas as estruturas para um congresso popular, em interação permanente com a população da cidade do Rio de Janeiro. Por isso, CLIQUE AQUI para se inscrever no 12º CBA e garantir o financiamento coletivo do evento. Para maiores informações CLIQUE AQUI.

Leia também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *